Ação do Sindicato garante direitos a trabalhadores que prestaram serviços na Copa América

Compartilhe:

A atuação firme da diretoria do Sindicato dos Vigilantes de Minas Gerais tem garantido aos trabalhadores e trabalhadoras seus direitos trabalhistas. Exemplo disso é o caso de vigilantes que prestaram serviços à Gocil Segurança na Copa América.

Sem receber ou ter recebido parcialmente pelos serviços prestados no estádio Mineirão, hotéis e concentrações do evento, trabalhadores e trabalhadoras contaram com todo o apoio do Sindicato, que, tão logo tomou conhecimento da situação, entrou em contato com a Gocil e cobrou a solução dos problemas.

Em solidariedade aos trabalhadores e trabalhadoras, dirigentes da entidade também estiveram na entrada do Mineirão nos dias de jogos da Copa América e exigiram da empresa as devidas providências.

Com o fim do evento, como alguns trabalhadores e trabalhadoras ainda não haviam recebido seus direitos, o Sindicato convocou a todos e conseguiu fazer com que a empresa solucionasse as pendências trabalhistas.

"Este é mais um exemplo de que quando os trabalhadores e trabalhadoras caminham juntos com o Sindicato a vitória é certa. Caso alguém ainda não tenha recebido seus direitos, deve procurar o Sindicato o quanto antes. A diretoria e nosso Departamento Jurídico estão à disposição para lhe prestar toda a assistência necessária", orienta o diretor da entidade Vítor dos Santos.

A sede do Sindicato fica na Rua Curitiba, 689, 9º andar, no centro de Belo Horizonte. O telefone é (31) 3270-1300.

Fonte: Imprensa do Sindicato.

Convenção Coletiva

Convenções Coletivas

Convenção Coletiva 2019/2020

Ver todas »

Facebook