Após pressão do Sindicato Esquadra tem até 15/12 para solucionar a situação dos intervalistas do Santander

Compartilhe:

Desde que assumiu o contrato com o banco San­tander, a Esquadra Transporte de Valores e Segurança proibiu seus empregados de almoçarem nos horários previstos na Convenção Co­letiva de Trabalho (CCT), ou seja, das 10h às 15h. Medida que tem causado gran­de insatisfação e alto índice de es­tresse entre os tra­balhadores.

Em reunião no dia 1º de no­vembro, na sede do Sindicato, em Belo Horizonte, a empresa assumiu o compromisso de regularizar a situ­ação até o dia 1º de dezembro. Porém, em nova reunião, nesta segunda-feira (3), a representação da Esquadra pediu um novo prazo, até o próximo dia 15, quando deve concluir a contratação de trabalhadores para cobertura do intervalo intrajornada.

Uma nova reunião entre o Sindicato e a Esquadra foi marcada para o dia 18 de dezembro, na sede da entidade. "Esperamos que dessa vez a empresa cumpra o compromisso e solucione o problema o quanto antes, de forma que os trabalhadores não sejam mais prejudicados e tenham seus direitos respeitados", disse o presidente do Sindicato, Edilson Silva, que participou da reunião juntamente com o coordenador do Departamento Jurídico da entidade, Vitor dos Santos.

Fonte: Imprensa do Sindicato.

Convenção Coletiva

Convenções Coletivas

Convenção Coletiva 2018

Ver todas »

Facebook