Trabalhadores dispensados da Esquadra devem ficar atentos a seus direitos

Compartilhe:

A partir da próxima semana, trabalhadores da Esquadra que prestavam serviços em agências da Caixa, dispensados recentemente, deverão ser convocados pela empresa para realização do respectivo acerto.

As homologações das rescisões dos contratos de trabalho serão feitas pelo Sindicato dos Vigilantes de Minas Gerais em sua sede, em Belo Horizonte, e em outras quatro cidades do Sul do Estado: Poços de Caldas, Pouso Alegre, São Lourenço e Varginha.

Diante disso, é importante que os trabalhadores anotem possíveis direitos que não vinham sendo pagos pela empresa (horas-extras, reciclagens, transporte, FGTS etc.) e informem ao Sindicato no momento da homologação.

Os vigilantes também devem verificar o extrato analítico do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) com atenção e avisar aos homologadores do Sindicato sobre quaisquer diferenças.

“Todo cuidado é pouco na hora do acerto, para assegurarmos que todos os direitos trabalhistas sejam cumpridos pela empresa e os trabalhadores não tenham prejuízos”, alerta o diretor do Sindicato e coordenador do Departamento Jurídico, Vitor dos Santos.

Prevenção

Desde o dia 24 de agosto, o Sindicato voltou a realizar homologações em sua sede, na capital (Rua Curitiba, 689, 9º andar, centro). Para tanto, todas as medidas necessárias para garantir a preservação da saúde e segurança de quem precisar comparecer à sede do Sindicato foram tomadas.

“Organizamos toda uma estrutura de prevenção ao novo coronavírus (Covid 19), conforme preconiza as autoridades sanitárias e de saúde. Também já comunicamos as empresas, por meio de ofício, sobre a retomada das homologações. Assim, o trabalhador tem o direito de exigir a realização da homologação pela entidade sindical”, observa Vitor.

Fonte: Imprensa do Sindicato.

Convenção Coletiva

Convenções Coletivas

Convenção Coletiva 2019/2020

Ver todas »

Facebook